Sunday, November 02, 2008

Primeira pedra | First Stone

Chegámos a Novembro, o frio chegou, coisas têm acontecido, e antes de falar no assunto que me leva a escrever mais um post no blog, queria só deixar aqui três recados:

Primeiro - ao meu colega de estúdio João Lemos que fez ontem 31 anos. Estava para te chamar velho, mas lembrei-me que daqui a uns meses apanho-te, por isso, ficam só os Parabéns. :)

Segundo - ao também meu colega Rui Lacas que ganhou ontem dois prémios no Festival de BD da Amadora pelo seu albúm "Obrigada Patrão". Já estava mais que na altura de se reconhecer o talento de um dos autores mais prolíficos e consistentes dos últimos anos aqui no nosso quintal.

Terceiro - a todos os que querem estar ou estão já ligados à ilustração nacional. Queria chamar a atenção para a recente criação do CLIP, Clube dos Ilustradores de Portugal, que vai procurar trazer alguma união e informação a um meio ainda muito desgarrado. Parabéns ao Ricardo Antunes pela iniciativa de tentar tirar os ilustradores portugueses das suas respectivas “tocas” para começar a falar a uma só voz. Apareçam no fórum, comuniquem connosco e ajudem o movimento a crescer.

Agora, o tema central deste post é o seguinte: começa amanhã o prazo que dei a mim mesmo para trabalhar no meu primeiro livro, que, se tudo correr bem, estará pronto no princípio do próximo ano.
Este vai ser um projecto pessoal, a preto a branco, e (espero eu) o primeiro capítulo de uma história maior. O plano é manter este blog actualizado na medida do possível em relação ao andamento do processo, por isso peço-vos que voltem cá de vez em quando para verem como andam as coisas.



We’re in November, it’s cold, things are happening, and before addressing the issue behind this latest post, I just wanted to leave three notes:

First
– to my studio mate João Lemos who turned 31 years old yesterday. I was about to call you an old man, but since I’m months away from catching up with you, I’ll just say Happy Birthday. :)

Second – to another one of my studio mates, Rui Lacas, who just won two awards at the Amadora Festival for his album “Obrigada Patrão”. It was about time that there was some acknowledgement to the talent of some of the most prolific authors in recent years on our little turf.

Third – to all who are or want to be linked to the illustration scene in Portugal. Just calling your attention to the recent creation of CLIP, Club for the Illustrators of Portugal(roughly translated), which will try to bring some unity and information to a medium still too dispersed. Congratulations to Ricardo Antunes for his initiative of trying to pull the Portuguese illustrators out from their respective “rocks” to start talking in one single voice. Come by the forum, talk to us and help the movement grow.

Now, the central topic: starting tomorrow, I’m starting work on my first sequential book, which, if things go smoothly, will be ready at the start of next year.
This will be a black and white personal project, and (I hope) the first chapter of a bigger story. The plan is to keep the blog updated when possible about the way work is rolling along, so I ask you to keep checking this place once in a while to see what’s going on.


Setting sail for the odissey...

2 comments:

d'Janja said...

Força, Mestre Ven! ;)

Sara said...

Ficamos à espera :-)